quinta-feira, 1 de julho de 2010

Vivam, amigos,

A selecção já chegou, logo pela fresquinha, depois de 11 horas de viagem.

40 pessoas à espera , com uns insultos à mistura dirigidos, claro, para o homem de quem se fala, Queirós, que reafirmou, à chegada, aquilo que já tinha dito à saída e que já disse em tantas outras ocasiões da sua carreira.

Não se demite.

E Queirós não se demite com este singelo argumento: então mas vou-me demitir apenas porque perdi por 1-0 com a Espanha?

Não faz sentido.

Sim, é verdade.

Assim dito, não faz sentido.

Se reduzirmos tudo o que se tem passado nos últimos 2 anos ao jogo com a Espanha.

Mas de Espanha já consta que a federação portuguesa de futebol não consegue reduzir tudo a um resultado com a Espanha e por isso luís aragonês já terá sido contactado no sentido de substituir Queirós, basicamente.

Madail, à partida da África do sul, não escondia a frustração que lhe ia na alma.

Vem aí chuva para Queirós

Queirós que depois do jogo com a Espanha pôs em marcha um plano estratégico de emergência, assim mais ou menos ao jeito dos planos para os jogos, que consistiu, essencialmente, numa conferencia de imprensa antes de ir embora para esvaziar de conteúdos as criticas que iriam chover à chegada (como se isso fosse possível) e, curiosamente, neste aspecto foi bem mais atrevido do que nas tácticas que imaginou para os jogos da selecção.

Pelo menos… jogou mais ao ataque

Queirós acerca do ego de Ronaldo falando no tamanho da camisola.

Boca, esta sim, que faz todo o sentido.

Alias a braçadeira de capitão já lhe devia ter sido retirada.

Se a camisola for curta, dispa-a.

Para o Ronaldo. Imagina se fosse para o Maniche… (já vamos falar do Maniche)

Queirós que teve o momento mais alto da sua longuíssima conferência de imprensa (tipo Fidel) quando disse que não admitia que duvidassem da palavra dele

Se está lesionado, está lesionado.

Se está cansado, está cansado.

Mas ó mister, eu não estou cansado.

Cale-se! Está cansado e não se fala mais nisso!

O Liedson, por exemplo, parece que também estava muito cansado.

Pelo menos, para o que jogou, devia estar

Foram buscá-lo, com 33 anos, naturaliza-lo, penteá-lo, lavá-lo, engoma-lo, para jogar no mundial, que não havia avançados e tal, e vai-se a ver, ficou praticamente de fora.

Mas Liedson não desarma e esta amanhã à chegada afirmou que está disponível.

Liedson quer jogar no euro 2012m e já agora porque não no mundial de 2014?

Bem vistas as coisas só terá 37 anos por essa altura, porque não?

É magrinho, pesa 25 quilos, defende-se bem, não come torresmos e coiratos como o Maniche, pode ser que sim.

Já vamos falar do Maniche. Foi só mais um teaser.

E é assim que as coisas estão com a selecção.

Resumindo, Queirós faz de contas que não se está a passar nada à volta dele neste momento, fala do inicio da campanha de qualificação para o europeu que começa já em Setembro como se tivesse chegado às meias finais do mundial – está tudo bem, Portugal jogou bem, não há problemas nenhuns com os jogadores, etc., etc., etc.

Mas consta que Madail já está a trabalhar.

Se assim for, o cheque é gordo.

E o problema é capaz de ser esse.

Que o amigo Queirós não é rapaz para fazer descontos a ninguém.

Pelo menos tem essa fama.

Um abraço para ele.

6 comentários:

Tiago disse...

Ouvi ontem à tarde a linha avançada, que foi muito mais cáustica do que a de esta manhã. Gostei mais da de ontem.
Nunca estive tanto de acordo com o José Nunes.

O Mourinho é que é um gajo do caraças, já começou a mandar bitaites.

Anónimo disse...

OH! Zé Nunes está a aprender a mentir como o LFV? Olhe que isso é muito feio...
Eu aqui em êxtase à espera do que iria dizer sobre o (gorducho) Maniche e o meu amigo chantrou-se? Ora venha de lá essa peça humoristica, tá!?

Bruno Reis disse...

Boas.
Eu pessoalmente não acredito que a selecção portuguesa vá buscar o Luís Aragonês, acho que essa noticia não passa de especulação que foi criada porque o Aragonês andou a dar entrevistas a jornalistas portugueses em que criticava o selecionador espanhol e dizia que acreditava que Portugal podia ganha a Espanha. Eu pessoalmente não acredito que o Madail mande o seu amigo quiroz embora(infelizmente). Tamos muito mal servido de Selecionador. Temos um selecionador que acha que está a treinar a Eslovénia, não acredita na capacidade da selecção que treina. :(
Tenho dito.
Abraço

PeixeBoga disse...

Para quem ainda não viu, saiu agora um video engraçado do Cristiano em que no momento da substituição do Hugo Almeida,ele se vira para o professor e lhe diz claramente "Assim não ganhamos,Carlos".Realmente, não fez nada em campo, mas o video diz quase tudo..

Gonga disse...

O Queiroz devia sair agora mesmo da selecção e do país para nunca mais voltar, isso sim era um grande serviço que fazia à nação.
Aragones? Nao por favor, um espanhol a frente da selecção nao, isso seria baixar muito.
E porque não Paulo Bento, o gajo está no desemprego não deveria ser complicado

ÁnGeL R. disse...

Buenas, ahora muchas criticas van a Queiroz, la verdad que no planteó bien el partido.
Ahora suena Luis Aragonés para el banquillo portugués, pero ya ha dicho Queiroz que no se irá. Saludos!
www.atleti1903.blogspot.com